PEK
PEK
PEK PEK
Background Mamíferos
Tamanduá-mirim

Também conhecido como tamanduá-de-colete, ocorre em todos os biomas brasileiros e tem preferência por áreas florestadas.

entre 4,6kg e 7kg

corpo entre 47cm e 77cm e cauda entre 40cm a 68cm

9 anos em cativeiro

Dados importantes
PRINCIPAIS CARACTERÍSTICAS

Possui coloração amarelo-clara, com pelagem curta e densa. Apresenta duas listras pretas nas costas, lembrando um colete. Possui dedos com fortes garras recurvadas e utiliza sua cauda para ajudar a se agarrar nos obstáculos que encontra no ambiente.

PRINCIPAIS AMEAÇAS

Os incêndios em áreas de floresta e cerrado, os atropelamentos em rodovias e a caça são suas principais ameaças.

DIETA

Se alimenta principalmente de cupins e formigas, mas também pode romper ninhos de abelhas para extrair o mel.

REPRODUÇÃO

O período de gestação varia de 160 a 190 dias e quando o filhote nasce, é carregado nas costas da mãe. Depois de um ano, ambos se separam.

COMPORTAMENTO

● Habita ambientes de savana ou florestais.
● Procura ocos de árvores ou tocas de tatus para descansar.
● Possui atividade predominantemente noturna.

CURIOSIDADE

Quando o tamanduá-mirim se sente ameaçado, assume uma postura de sentar em suas pernas traseiras e cauda, abrindo as patas dianteiras e mostrando as garras livres.

Distribuição geográfica
Mapa Distribuição Geográfica
Existente

Status de conservação
LC
LC